Pensa por um minuto…

Já pensastes nos efeitos negativos de atirares uma beata para o chão?

Por minuto, o mercado mundial produz perto de 11 milhões de cigarros. Em Portugal, no mesmo período de tempo, sete mil beatas vão parar ao chão. Mas estas beatas não são biodegradáveis. Dependendo das condições climatéricas e do meio onde se encontram vão-se decompondo, mas nunca na totalidade, não sem antes libertarem cerca de 4700 substâncias tóxicas.

Produzem-se 11.000 cigarros por minuto…
7 mil beatas vão para os oceanos…
Transformando-se em microplásticos e libertando cerca de 4700 substâncias tóxicas…
…chegando à cadeia alimentar

…Ou seja o teu prato é composto por?

Acabam por se transformar em microplásticos e é uma questão de tempo até entrarem no ciclo da água e chegarem à cadeia alimentar, não só através da agricultura, mas também através dos animais que comemos, da carne ao peixe.

As beatas de cigarro, são a principal causa de lixo marinho na costa e nas praias portuguesas. Da próxima vez que terminares um cigarro, deixa a beata num recipiente adequado e contribui para um oceano mais saudável.

Lei nº 88/2019 de 3 de setembro de 2019
É proibido o descarte em espaço público de pontas de cigarros, charutos ou outros cigarros contendo produtos de tabaco. (artigo 3º)

Constitui contraordenação punível com coima mínima de 25€ e máxima de 250€… o incumprimento do disposto no artigo 3º

O meu palpite é...

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.